Kernel

De Caninos Loucos
Ir para: navegação, pesquisa

Um sistema operacional é um programa que permite a interação de um usuário com um computador além de gerenciar os seus recursos para realizar tarefas. Uma componente de um sistema operacional é o seu Kernel, componente de um sistema operacional que reúne funções como gerenciamento de memória e gerenciamento de processos. O primeiro esforço de implantar um sistema operacional para uso na labrador foi feito com o Kernel do Linux uma vez que apresenta o seu código fonte aberto e com diversas implementações de compatibilidade específica para diferentes arquiteturas de processadores e conjuntos de instruções. Dessa forma, é possível adapta-lo para apresentar compatibilidade com o sistema da Labrador.

É possível verificar o código fonte do Kernel do Linux no github.

Com isso, é possível utilizar sistemas operacionais baseados em Kernel de Linux, popularmente referido como distribuições. O termo distribuição remete a tempos incipientes da comunidade Linux em que as pessoas compartilhavam modificações feitas com adições de interfaces gráficas ou ferramentas auxiliares que complementavam as funções básicas do Kernel do Linux, assim constituindo a completude de um Sistema Operacional. Por essa natureza de compartilhamento, para a comunidade de usuários Linux, o termo distribuição acabou se tornando intercambiável com o termo Sistema Operacional.

Dessa forma, é possível utilizar distribuições baseadas no Kernel do Linux como Ubuntu, Debian, Mint, etc na labrador com o Kernel compilado oferecido em seu github, assim como é possível que você mesmo o compile.

Versão Do Kernel

Para verificar qual é a versão atual do Kernel, abra o LXTerminal e digite:

   $ cat /proc/version


Versão do Kernel


Pode-se verificar que neste caso a versão do Kernel é a 4.14.13.

Atualização Do Kernel

Por diversas razões pode ser necessário trocar ou atualizar o Kernel, seja para suportar novos hardwares ou mesmo melhorar o desempenho com hardwares já suportados ou ainda prover novas funcionalidades a esses hardwares já suportados. É valido observar que este processo pode causar problemas ao seu sistema.

É possível realizar a troca do Kernel de algumas maneiras, a mais simples é utilizando a versão já compilada para a Labrador, que pode ser encontrada no GitHub da Caninos Loucos. Procure os arquivos na pasta "output".

Troca De Kernel Compilado

Para realizar a troca do Kernel siga os passos a seguir;

1 - Baixar o arquivo contendo o Kernel_x_y.zip do repositório.

2 - Extrair o conteúdo para um diretório, /*caminho qualquer de diretórios*/src/

3 - Copiar “kernel.dtb” e “uImage” para a raíz da partição BOOT

$ sudo cp -r /src/kernel.dtb /media/caninos/BOOT $ sudo cp -r /src/uImage /media/caninos/BOOT

4 - Copiar “lib/modules” para “lib/modules” da partição SYSTEM:

$ sudo cp -r /src/lib/modules /lib/

5 - Reiniciar a Labrador

$ sudo reboot

Após esse processo a labrador já será inicializada com o Kernel desejado.